E se tudo tivesse sido diferente....?


Eu pensei em escrever uma retrospectiva a respeito do ano de 2009 porque ele finalmente está acabando. Deus sabe o quanto eu desejei que o tempo passasse logo, e que 2010 chegasse para aliviar meu sofrimento (como se uma medida de tempo instituída pelos homens fosse capaz de curar as feridas de um coração - que ingenuidade a minha!).

Mas neste momento percebo que o ano ainda não acabou, e que em menos de dois meses muita coisa ainda pode acontecer (isso não quer dizer que eu esteja criando alguma expectativa a respeito de qualquer coisa), é apenas uma constatação racional. rs

E mais uma coisa eu descobri também - que antes seria difícil admitir mas que agora sai naturalmente - Sim, eu aprendi muito este ano. Ele veio somar muito conhecimento e sabedoria ao meu ser. Percebi que agora não sou a mesma de um ano atrás, assim como, se daqui a um ano eu estiver aqui novamente tratando do mesmo tema, serei uma V. diferente.

Eu não sei se "prefiro ser essa metarmofose ambulante", mas se reciclar, aprender coisas novas, estar aberto a novas situações e desafios (bons e ruins) sempre é positivo. O que vem pela frente é um mistério, mas sobre o que passou não ficam arrependimentos pois tenho em mim a certeza de que sempre quis dar o meu melhor; sempre busquei o que era certo. Se irritei alguns e/ou fui mal interpretada por outros, paciência... eu também não sou perfeita (e nem quero ser).... agora só falta convencer a minha mente sobre isso!

Mas pensamentos à parte... Esse blog tem sido muito especial pra mim. Há um ano atrás todas minhas asneiras e inseguranças eram postas num diário que tenho, mas era muito chato e muitas vezes deprimente ficar conversando sozinha feito uma louca. Tenho muito a agradecê-lo e juro que não irei abandoná-lo. Mas estou aqui hoje pra agradecer a todos que passaram por este blog e extraíram um pouquinho do seu precioso tempo para lê-lo e comentar as coisas esquisitas que posto. A todos vocês o meu muito obrigada!

Um comentário:

  1. Realmente, sempre temos essa vontade de mudar as coisas, de acontecer, de fazer diferente. Quem sabe assim ficamos mais satisfeitos, não é? Muita coisa pode acontecer em menos de dois meses. Bom seria se fosse coisa boa ou algo que mudasse a nossa vida para uma coisa mil vezes melhor. A monotonia é por demais enfadonha.
    Espero que o seu novo ano seja bom, ótimo, demais. Assim como tenho expectativas para o meu.
    Beijos!
    Adorei o texto.

    ResponderExcluir